APRESENTAÇÃO DO CANAL

O que será que escondeu os pontos brilhantes do céu?

quarta-feira, 25 de maio de 2016.

Falando de Estrelas - Parte 03

 “O que será que escondeu os pontos brilhantes do céu?”

Temos a tecer algumas considerações da dificuldade de se observar os astros do céu noturno nas grandes cidades.

Esta dificuldade deve-se à dois fatores principais:

1. A poluição atmosférica, que faz com que partículas de poeira e fuligem permanecem muito tempo em suspensão no ar das grandes cidades, criando um obstáculo físico à passagem dos raios de luz provenientes do espaço;

2. E também a poluição luminosa, causada pela reflexão das luzes artificiais das grandes cidades nestas partículas e nos gases componentes de nossa atmosfera, gerando assim um “brilho de retorno difuso”, que na prática “clareia” o céu noturno, fazendo com que os astros menos brilhantes sejam por ele escondidos, “misturando-se” com o brilho citado.

3. Mas há também um terceiro fator, que é o fenômeno do ofuscamento de nossa visão, causado por alguma fonte de luz próxima, como por exemplo, uma luminária de forte intensidade no alto de um poste. Felizmente, para eliminar este problema, basta ocultar a fonte de luz com o nosso braço, ou com a mão, para este ofuscamento diminuir ou até mesmo desaparecer.

4. Um quarto componente que pode contribuir para dificultar a visão dos astros, tanto nas cidades grandes como em regiões pouco povoadas, é a fase em que a Lua se encontra. A Lua também provoca uma “poluição luminosa” em nossa atmosfera, dificultando a observação das estrelas e planetas de brilho mais fraco.

O melhor local para se observar o céu noturno, seria de preferência no alto de uma Serra, longe da turbulência (que também contribui para dificultar as observações atronômicas) que a atmosfera possui ao nível do mar, e em um momento em que a a Lua esteja na sua fase de “Nova”.

Até breve!

Eng. João Batista Salgado Loureiro 
______________________________________
Conheça nossa história e saiba mais sobre astronomia em nossos canais:

Comentários:

Postar um comentário

Olá! Fique a vontade para comentar!

 
As Maravilhas do Céu Estrelado © 2005 - todos os direitos reservados para o autor: Engº João Batista Salgado Loureiro | Template By Mundo B |