APRESENTAÇÃO DO CANAL

Nossa Frota Estelar de Satélites que estudam a Terra receberá o maior reforço, sem precedentes, em 2014! Earth Right Now!

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014.

EarthSat_HDA imagem acima  mostra a imensa frota de satélites que já orbitam  e estudam o nosso lindo planeta!

Mas, o ano 2014 será o ano sem precedentes quanto ao número de  lançamentos de novas missões de pesquisa e observação da Terra, já que terá mais lançamentos em um único ano, em mais de uma década.

A Nasa criou um lema “Terra Right Now” para batizar o lançamento de cinco missões de observação da Terra, que irão fornecer dados importantes para os cientistas que tentam entender a mudança climática do nosso planeta.

Desde a criação da agência em 1958, a Nasa estabeleceu-se como líder mundial em estudos de ciência e do clima da Terra.

Conheça as Missões de Observação da Terra que serão lançadas em em  2014:

GPM -  O “Global Precipitation Measurement” (GPM) é uma missão internacional que se utilizará de um  satélite para fornecer observações da próxima geração de chuva e de neve em todo o mundo, a cada três horas. Os dados obtidos serão utilizados para unificar as medições de precipitação, feitas por uma rede internacional de satélites parceiros, para quantificar quando, onde e quanto chove ou neva em todo o mundo. A missão GPM vai ajudar a promover a nossa compreensão dos ciclos hídricos e energéticos da Terra, melhorar a previsão de eventos extremos que causam desastres naturais, e estender as capacidades atuais de utilização de informações de precipitação por satélite para beneficiar diretamente a sociedade.

ISS-Rapidscat  - O instrumento “ISS-RapidScat” é uma substituição rápida, e de baixo custo, para o satélite “QuikScat Earth”, da NASA, que monitorou ventos oceânicos e forneceu medições essenciais que foram utilizadas ​​em previsões meteorológicas, incluindo o monitoramento de furacões. As medições do  “QuikScat” eram tão essenciais que quando ele parou de recolher dados, no final de 2009, a NASA foi desafiada a conceber um substituto de forma rápida e econômica. Então, a equipe do “ Jet Propulsion Laboratory”, da NASA, e do programa da estação da agência, surgiu com uma solução que utiliza a estrutura da Estação Espacial Internacional (ISS), e reutiliza o “hardware”, originalmente construído para peças de teste do “QuikScat”.  O instrumento “ISS-RapidScat”  vai voar a bordo da Estação Espacial Internacional, e vai medir a velocidade e a direção dos ventos oceânicos da superfície da Terra.

CATS – O “Cloud-Aerosol Transport System” (CATS) investigará a localização, a composição e a distribuição da poluição, poeira, fumaça, aerossóis (suspensão de partículas sólidas, ou mais freq. líquidas, num meio gasoso), e outras partículas na atmosfera.

OCO-2  - O Observatório Orbital de Carbono (OCO) –2, será o primeiro satélite da NASA dedicado a fazer o sensoriamento remoto, e o estudo do dióxido de carbono  que está presente na atmosfera terrestre.

SMAP – O SMAP irá fornecer medições globais da umidade do solo e seu estado limite de congelamento / descongelamento. Estas medidas serão utilizados para melhorar a compreensão dos processos que ligam os ciclos de água, de energia e de carbono, e para ampliar as capacidades dos modelos meteorológicos e de previsão climática. Dados do SMAP  também serão utilizados para quantificar o fluxo líquido de carbono em paisagens boreais, e desenvolver melhores capacidades de previsão de enchentes e de  monitoramento de secas.

Comentários:

Postar um comentário

Olá! Fique a vontade para comentar!

 
As Maravilhas do Céu Estrelado © 2005 - todos os direitos reservados para o autor: Engº João Batista Salgado Loureiro | Template By Mundo B |