APRESENTAÇÃO DO CANAL

As Estações da Terra vão mudar neste sábado!

terça-feira, 17 de dezembro de 2013.
Estações do Ano 1As estações vão mudar neste sábado, 21 de dezembro, com o Hemisfério Sul se movendo de primavera para verão e o Hemisfério Norte entrando no inverno.

O evento celeste que marca essa transição é chamado de "solstício" (do latim solstitìum), e acontece duas vezes por ano, a primeira em torno de 21 de  Junho, e a seguinte em torno de 21 de dezembro.

Mas o que é um solstício, e por que isso ocorre?

A Terra se move de duas maneiras diferentes. Em primeiro lugar, o planeta gira em torno de  seu eixo polar (uma linha imaginária que passa através do polos norte e sul terrestres), uma vez a cada 23h 56m 4s, fazendo a alternância entre dia e noite.

Em segundo lugar, ela se move em sua órbita ao redor do Sol uma vez a cada 365,2564 dias (365 dias, 48 minutos e 46 segundos), fazendo o ciclo anual das estações.

Uma outra particularidade do movimento  Terra-Sol muito importante:  é que o eixo de rotação da Terra é inclinado em 23,5 º em relação à normal ao plano da translação da Terra.

Em  consequência disso, ora um hemisfério está voltado para o Sol; seis meses depois é o outro hemisfério que está voltado para o Sol.

Entenda os movimentos da Terra

Essas posições da Terra em relação ao Sol são conhecidas como Solstícios: Solstício de Verão para o hemisfério voltado para o Sol; Solstício de Inverno para o hemisfério voltado contra o Sol. (Note que um mesmo solstício é chamado de Solstício de Inverno em um hemisfério enquanto é chamado de Solstício de Verão no outro hemisfério; e vice-versa.)

Entre os Solstícios, temos posições intermediárias, conhecidas como equinócios, onde os dois hemisférios estão simetricamente dispostos em relação ao Sol: Equinócio de Primavera para o hemisfério que está indo do Inverno para o Verão e Equinócio de Outono para o hemisfério que está indo do Verão para o Inverno.

O solstício ocorre quando o Sol atinge o maior grau de afastamento angular do equador celeste, ou seja, quando o caminho que o Sol faz, a eclíptica, está com seu maior afastamento em relação ao equador celeste.

PARA ENTENDERMOS MELHOR:
Depois do equinócio, que ocorreu em 21 de setembro, o Sol começou a brilhar mais na metade sul do nosso planeta e menos na metade norte.

O Sol foi continuando seu caminho, na eclíptica,  em direção ao sul, aproximadamente nos próximos três meses após o último equinócio, e atingirá seu ponto mais ao sul em 21 de dezembro, a data do "solstício".

No Hemisfério Norte, os dias serão mais curtos, as noites mais longas, e as temperaturas serão mais frias durante os  três meses seguintes de caminhada.
Estações do Ano 2É sempre importante lembrar que este evento faz parte de um ciclo, e que depois de 21 de dezembro, o Sol começar a se mover em direção ao norte novamente.

Passará novamente pelo equinócio, em 21 de março, e após três meses, o Sol  continuará  seu caminho, na eclíptica,  em direção ao norte, e atingirá seu ponto mais ao norte, em 21 de junho, a data do "solstício".
o Hemisfério Sul terá os dias mais curtos, as noites mais longas, e as temperaturas serão mais frias durante os  três meses seguintes de caminhada.

E assim por diante, o Sol continuará sua “dança” no céu por toda a eternidade.

Ilustrações: As Maravilhas do Céu Estrelado
Vídeo: Geografismos

1 Comentário:

Geraldes.Helder disse...

Hoje acontece um fenómeno astronómico anual que poucos recordam, mas marca as nossas vidas de uma forma mais ou menos profunda.

Postar um comentário

Olá! Sejam Bem vindos! Obrigado por Contemplarem "As Maravilhas do Céu Estrelado"! Fique a vontade para comentar!

 
As Maravilhas do Céu Estrelado © 2005 - todos os direitos reservados para o autor: Engº João Batista Salgado Loureiro | Template By Mundo B |